SESI Escola retoma aulas presenciais com salas de aula e laboratórios renovados

19/07/2021   12h51

Alunos das unidades da SESI Escola Natal e São Gonçalo do Amarante retornaram nesta segunda-feira (19) às aulas presenciais e foram recebidos em clima de festa. Recepcionados pelos professores, supervisores e equipe técnica, os estudantes ganharam também um kit volta as aulas, composto por máscara, álcool em gel e uma garrafa – para evitar circulação nos corredores para beber água. A unidade da SESI Escola São Gonçalo do Amarante é referência nacional no ensino de robótica e passou por uma ampla reforma para retomada das aulas, com salas de aula renovadas.

 

 

 

O retorno acontece após mais de um ano de aulas online e três meses com aulas hibridas (50% presencial e 50% online). Para a retomada, todas as unidades foram vistoriadas e estão seguindo os protocolos estabelecidos pela equipe de Engenharia em Saúde e Segurança da Indústria (SSI), do SESI-RN, e as recomendações do decreto estadual. As escolas de Macau e Mossoró seguem com modelo de aulas híbridas.

 

A gerente de Educação do SESI-RN, Ana Karenine Medina, explicou que a retomada das aulas presenciais para os 850 alunos foi detalhadamente planejada e estudada. “Os engenheiros em Saúde e Segurança na Indústria (SSI) foram em todas as nossas quatro unidades para conferir se estamos cumprindo todos os protocolos, não esquecendo o uso da máscara e do álcool gel e o distanciamento dentro da sala de aula e na escola como um todo. Nos adaptamos ao novo modelo de segurança e sabemos das dificuldades de implantar isso com as crianças do ensino fundamental I e há um cuidado diferenciado”, explicou.

 

Todo processo contou também com o apoio dos pais e responsáveis, que foram apresentados à nova estrutura desde o início do modelo híbrido. “Eles confiaram na nossa proposta, vieram e viram o que estava sendo feito e sentiram que era um ambiente seguro. A gente sabe que tem criança que tem a companhia de um irmão, mas tem criança que há um ano e meio só vê a tela de um computador”, ressaltou.

 

“Passar o dia em casa, sem ninguém, foi muito difícil”, Sofia Gabriele, 13 anos.

 

A felicidade no rosto dos alunos era perceptível, mesmo usando máscaras. Dancinhas ao chegar e cumprimentos animados com os colegas que não encontravam há bastante tempo. Para Camila Fernanda Domingues Fernandes, 17 anos, que disputa uma vaga no curso de Direito, tudo é questão de adaptação. “Tudo é muito novo, mas é hora de recuperar o tempo perdido. Participei de algumas aulas no período hibrido e agora estou totalmente focada no ENEM”, disse.

 

Eloá Queiroz da Câmara, 11 anos, aluna da SESI Escola SGA

 

Em seu primeiro ano na SESI Escola São Gonçalo do Amarante, Eloá Queiroz da Câmara, 11 anos, conta que o início das aulas presenciais também foi especial. “É muito gratificante voltar e saber que tudo isso está indo embora, está passando e todo mundo de volta no SESI, que é um colégio muito bom, que eu sempre quis estudar. Eu estou muito feliz com este retorno”, disse. Para Sofia Gabriele, 13 anos, rever os amigos e poder sair de casa foram duas grandes conquistas. “Passar o dia em casa, sem ninguém, foi muito difícil. Hoje eu estou vendo a minhas amigas. Estou achando tudo isso incrível”, enfatizou.

 

O professor de física e oficinas tecnológicas, Josinaldo Araújo, também era pura empolgação. “Chegamos logo cedo e preparamos a escola para receber os alunos da melhor maneira. Estamos voltando com tudo para este segundo semestre que será fantástico”, disse enquanto recebia os alunos na área de convivência.

 

Professor de Física, Josinaldo, em sala de aula

 

Reforma

A unidade da SESI Escola São Gonçalo do Amarante é referência para as demais e passou por uma ampla reforma para retomada das aulas. As salas de aula estão mais amplas e receberam lousas digitais interativas. Além disso, também foram entreguem novos espaços: uma quadra poliesportiva e uma nova biblioteca multimídia. Em 20 dias será entregue mais um novo espaço: um laboratório de robótica. “Nosso objetivo é ser referência em tudo que fazemos. Em disciplina de alunos, em estrutura, em metodologia e principalmente em robótica”, destacou a gerente de Educação Ana Karenine Medina.

 

[ape-gallery 39548]

 

 

 

 

Skip to content
Chat Online!